segunda-feira, 26 de maio de 2014

Claudio Mur - As cenas do covil

'
As cenas do covil

1.
Um homem olha o espelho.
Não gosta do que vê.
É o suicídio uma solução?

2.
Um homem tem desejo sexual no olhar.
Olha para o ser amado.
Ele parece experiente.
Ela parece/é inocente.

3.
Um covil é um local onde os refugiados dormem.
Onde se tornam um só ser.
Onde se escondem do mundo.
E esperam pela caça, pela presa.

4.
Eles amam-se eles sonham eles existem eles são.

5.
Um homem acha difícil controlar-se.
Um homem acha difícil oferecer tudo
O que quer oferecer ao ser amado.
Um homem nega toda a ajuda e palavras de
esperança, um homem demasiado instável tem medo de
fazer sofrer o ser amado.
Um homem pensa e diz: Vai-te embora.
Um homem diz: Eu não tenho futuro.

6.
Um homem está só.
Um homem está preso aos seus sonhos memórias
falhanços.
Tendo negado o amor.
Tendo falhado no seu desaparecimento.
Resigna-se a vida enclausurada.
Cresce velho e nihilista.
'
A cada bloco corresponde um quadro da série de ZMB
No entanto, ao longo dos dias foi-me sugerido que talvez 
a série pudesse ter outra sequência de apresentação.
Assim, o poema pode ser escrito e a série apresentada do modo seguinte:

'
As cenas do covil

1.
Um homem tem desejo sexual no olhar.
Olha para o ser amado.
Ele parece experiente.
Ela parece/é inocente.

2.
Eles amam-se eles sonham eles existem eles são.

3.
Um homem está só.
Um homem está preso aos seus sonhos memórias
falhanços.
Tendo negado o amor.
Tendo falhado no seu desaparecimento.
Resigna-se a vida enclausurada.
Cresce velho e nihilista.

4.
Um covil é um local onde os refugiados dormem.
Onde se tornam um só ser.
Onde se escondem do mundo.
E esperam pela caça, pela presa.

5.
Um homem olha o espelho.
Não gosta do que vê.
É o suicídio uma solução?

6.
Um homem acha difícil controlar-se.
Um homem acha difícil oferecer tudo
O que quer oferecer ao ser amado.
Um homem nega toda a ajuda e palavras de
esperança, um homem demasiado instável tem medo de
fazer sofrer o ser amado.
Um homem pensa e diz: Vai-te embora.
Um homem diz: Eu não tenho futuro.
'

Retirado do 'Manual de sobrevivência', secção 7
o pdf em português está aqui
The pdf in the english version is here

Sem comentários:

Enviar um comentário